O Meu Avião da Vueling Atrasou, Posso Pedir Compensação?

O Meu Avião da Vueling Atrasou, Posso Pedir Compensação?

4 July, 2019 1 By hugocaro

Se, como eu, o vosso voo da Vueling (ou outra operadora) já se atrasou mais do que o previsto, talvez a questão mais frequente que se fazem é: “O meu avião atrasou uma hora, posso pedir compensação?

É uma questão pertinente, e quando navego nas redes sociais, não só encontro inúmeras respostas (muitas vezes erradas) para a questão, como vejo também que a frequência com que estes episódios acontecem é enorme.

Então tomei a liberdade de vos escrever para poder elucidar algumas das questões, vamos a isso?


Imaginem vocês, que estão descansadinhos no aeroporto, chegaram o tempo antes que era suposto, já entregaram bagagens, já passaram as fronteiras de segurança todas, já confirmaram os vistos e estão agora, na porta de embarque. Chegou a hora de começar o embarque, mas não começa. Já passou meia hora e ninguém informa de nada, e o vosso coração começa a bater mais rápido. (Sabem que têm o transfer do outro lado à vossa espera, o Hotel que reservaram foi sem possibilidade de devolução, na parte da tarde já tinham bilhetes comprados para alguma atração.) Se forem como eu, o coração neste momento já está na boca. Passou uma hora. E nada. Passaram duas, e vão questionar o que se passa, sem sucesso. Até que passam três horas, e ainda estão à espera que as portas de embarque para o avião Vueling Lisboa-Barcelona abram, e nada…


Pois bem, saibam desde já, que não são os unicos!

Comigo já aconteceu, um atraso de 6 horas num voo com a Vueling (companhia que eu largamente não recomendo!) Podem ler tudo aqui!

O importante a saber neste momento é quem é que é elegivel para receber compensação pela reclamação de atraso do voo e quando o pode fazer.

Vamos lá conferir:

ATRASOS:

  • Todos os voos dentro do espaço aéreo Europeu são elegíveis para compensação por atrasos
  • Os atrasos só são compensados após 3 horas de atraso (aqui é importante saber que se o avião atrasou 40 minutos, não terão direito a compensação)
  • A “contabilização do atraso” só termina quando a porta de embarque é aberta, mesmo que vos digam que o avião já está em terra, de nada importa se chega a terra e só vos deixam entrar depois de 3 horas.
  • Tudo o que são “situações extraordinárias” não são cobertas pela compensação. São elas: relâmpagos, emergências médicas, greves trabalhistas, condições climáticas adversas, restrições de Controle de Tráfego Aéreo, súbita avaria do radar do aeroporto, atos de sabotagem, instabilidade política, ataques terroristas. Sempre que uma destas razões for evocada, não existirá espaço para compensação.
  • No entanto, situações como dificuldades técnicas ou a não existência de justificação são elegíveis.

Se o voo é elegível quanto é que podem receber de compensação?

Duração do atraso
Menos do que 3 horas 3 – 4 horas Mais de 4 horas Nunca teve lugar Distância
€ – € 250 € 250 € 250 Todos os voos 1 500 km ou menos
€ – € 400 € 400 € 400 Voos internos da UE mais de 1 500 km
€ – € 400 € 400 € 400 Voos não internos da UE entre 1 500 km e 3.500 km
€ – € 300 € 600 € 600 Voos não internos da UE mais de 3 500 km

Agora, um facto interessante para quem, como eu, quase vive nos aeroportos e atrasos são o pão nosso de cada dia, é que o prazo para o qual podem reclamar é bem vasto: por exemplo, se o atraso foi em Portugal (e estiverem a viajar com a Vueling, por exemplo, com a qual não tenho uma história feliz), têm 3 anos para poder reclamar!

(Agora comecem lá a andar para trás e vejam em que voos foram lesados e ainda podem pedir ajuda! 😊)

Todos conhecemos esta sensação de desespero 🙂

A mesma questão se coloca, se por exemplo, um voo for cancelado e vos for oferecido um voo que não vai de acordo com os vossos horários, caso a diferença da chegada seja superior a 3 horas ao destino final, também têm direito a compensação.

E ainda, se forem recusados a entrar no avião (o conhecido overbooking) mas para serem elegíveis para reembolso por overbooking não podem aceitar nenhuma compensação monetária ou troca oferecida pela companhia aérea (caso o façam, deixam de ser elegíveis para compensação)

Não se esqueça de uma coisa muito importante! Guarde sempre todos os documentos referentes à viagem (bilhetes, faturas de alimentação (se não lhe for dadas senhas de alimentação pela companhia aérea), é importante para provar todo e qualquer gasto que tenha feito devido ao atraso da companhia.

Agora, parece tudo muito complicado de fazer? Já se está a imaginar a pegar em papelada, ir aos advogados, horas infinitas ao telefone com a companhia, para no fim, não receber nada? Exato, eu também achava isso quando tive o meu voo atrasado em 6 horas com a Vueling, até ter descoberto a AirHelp, eu já vos falei sobre ela aqui! É uma plataforma maravilhosa que faz tudo por ti.

Podem ler neste post como funciona a AirHelp e como dar todos os passos, e como recebi uma compensação de 250€, que me cobriu a viagem e ainda o alojamento!

Espero que este post consiga limpar a confusão que às vezes vejo nas redes sociais sobre compensação e como a resolver. Esqueçam os advogados, as queixas à ANAC, basta apenas fazer um click na AirHelp, eles tratam de tudo.

Então já sabem, podem fazer reclamação por atrasos de voos com a companhia Vueling ou qualquer outra na AirHelp!

Se ainda tiverem alguma dúvida, podem consultar aqui todas as regras para a compensação, ou podem mandar-me mensagens, que tenho sempre todo o gosto em recebe-las e responder o melhor que consigo 😊

Deixa aqui o teu comentário 🙂
Se gostaste, não te esqueças de espalhar a palavra 🙂